top of page
Buscar

3 dicas para você ter uma empresa referência na nova sociedade de consumo

Nós vivemos o fim de um mundo. Um mundo que até então era certo e promissor, até que vieram as crises: financeira, política, social, sanitária e digital. E, apesar de não gostarmos muito, são nas crises que se formam laboratórios de mudanças e esta não só catalisou a inadiável mudança social através do digital, como também fixou novos padrões de comportamento e consumo.

Para muitos, a dificuldade de se adaptar levou ao derradeiro fim do seu empreendimento, com quase 600 mil empresas fechando suas portas nos últimos dois anos (Folha, 2021). Já para tantos outros, enxergou-se a oportunidade de usar as ferramentas digitais para fazer negócios.


Mas independente do cenário que sua empresa esteja, não se pode fugir da importância dele: o Cliente. Quem é? O que come? Onde vive? Como ele chegou no meu instagram?



Com as ferramentas digitais na palma da mão, o consumidor atual, denominado de consumidor autor, é inquieto, hiperativo e potencialmente criativo e barulhento, produzindo e distribuindo conteúdo nas redes de compartilhamento na internet e gerando receptividade com rapidez surpreendente e em patamares exponenciais de alcance.


Além disso, tem-se centenas de milhares de opções à nossa disposição, desde bens de “conforto”, como uma banheira de hidromassagem a um par de sapatos, até bens de “criatividade”, como a leitura de um bom livro e a ida a um museu.



Temos nesse conjunto, uma geração que busca retomar os valores humanistas, uma reapropriação da pesquisa científica e tecnológica em torno de um importante núcleo de valores criativos que chegam da tradição humana e social - em suma, um movimento neorrenascentista.


Assim sendo, os modelos tradicionais de trabalho, pesquisa, criação de produto e marketing não fazem mais sentido para uma geração que foca na experiência pessoal e na qualidade de vida. Faz-se aqui a necessidade de uma ampla reflexão e de pensar-se antecipadamente, transformando as empresas em laboratórios de propostas para novos movimentos culturais, com uma comunicação performativa e com forte conexão emocional.


Como fazer isso? Segue abaixo 3 dicas que você pode estar experimentando junto do seu público para se adaptar ao novo mundo, vender mais e transformar sua marca em referência de mercado na nova era:


1. Crie um calendário de conteúdo com propósito


Passou-se a época de só falar do seu produto, serviço ou como sua empresa é ótima, seu cliente quer algo além e uma ótima forma de aproximar ele da marca é criar um calendário de conteúdo que se conectem e geram educação e engajamento.


Alguns exemplos simples são os conteúdos compartilháveis, salváveis, virais e vendáveis.


Quer experimentar? Selecione um tema para a semana e veja como você pode transformar o assunto em diferentes formas de interação nas suas redes sociais.


2. Co-crie com seu cliente


Mais do que fazer conteúdo para seu cliente consumir, traga ele para perto da marca, faça com que ele bata no peito e diga “a marca também é minha”.


Conversas mais profundas, apresentação exclusiva do produto antes do seu lançamento, peça opinião sobre as próximas ações, crie formulários de validação, são inúmeras as formas de fazer ele se sentir parte do processo e, de quebra, você se torna mais assertivo e vende mais 😉


3. Pense rápido, aja inteligente


Aqui na DRIN nosso lema é “pense, experimente, aprenda e repita”, proveniente do lean startup (fica a sugestão ler o livro “A Startup Enxuta” do Eric Ries).


Visualmente falando, o ciclo de do nosso mantra fica como a imagem abaixo e é executado em curtos períodos de tempo, pois visa o aprendizado através da prática e a construção dele em cima de dados coletados com o seu próprio cliente:


Por isso, criar estratégias e executá-las é importante sim, mas de nada adianta você não aprender com elas e criar novos objetivos, métricas e ações inteligentes - hoje é muito mais fácil mensurar qualquer ação que você cria no mundo digital, use e abuse dos analytics da vida.


Levar sua marca para o digital e enxergar esse universo como uma oportunidade de se tornar estratégico, assertivo e próximo ao seu cliente vai fazer com que sua empresa cresça rapidamente e se torne referência no mercado.

Experimente e depois nos conte como foi! E se quiser ajuda nesse processo, é só entrar em contato com a gente no botão abaixo.


0 comentário

Comments


Home | Blog | Post

bottom of page